Celebração das Cinzas

Por: Lauro Roberto de OliveiraEm: Notícias


IMG-20180214-WA0011

No dia 14 de fevereiro celebramos a Quarta-feira de Cinzas, início da Quaresma, tempo de penitência, jejum e oração intensa.
Hoje, Cinzas bentas são colocadas sobre as nossas cabeças, nos lembrando que vamos morrer; que somos pó e que ao pó da terra voltaremos. A intenção é, levar-nos ao arrependimento dos pecados, e fazer-nos lembrar que não podemos nos apegar a esta vida, pois estamos aqui de passagem, a nossa morada definitiva é o céu.

A marca da vida é sempre a renovação. Tudo nasce, cresce, vive, amadurece e morre. E nisto Deus nos ensina todo dia uma lição, que a vida está em nós, mas não é nossa. Aproveitamos este tempo tão oportuno para Conversão, procurar ser melhor para com nossos irmãos, com a Mãe Igreja, com nossas famílias…
Deus nos ama, e está sempre pronto para nos abraçar em sua misericórdia.

A Campanha da Fraternidade nos convida a buscar a conversão do coração.
A campanha deste ano nos pede a superação da violência, nos leva perceber a violência como um fato social complexo, de origens, manifestações, formas, causas históricas culturais, temporais, econômicas, políticas e sociais.
A busca do poder, do querer ter e ser melhor, perde de certa forma a humanidade, onde o outro se torna invisível, apenas mais um.

Existe muitas formas de violências, e o caminho ainda é o diálogo, palavra de Deus, confissão, eucaristia, paciência, amor, perdão e colocarmos o CRISTO no centro de nossas vidas. Devemos ir em busca do céu como dizia nossa amada, Santa Teresinha.

( Pascom).